Português
Gamereactor
análises
Project Cars 3

Project Cars 3

Alguns fãs não vão apreciar as mudanças, outros vão adorar, mas o que importa é que se trata de um jogo de corridas de grande qualidade.

Já se passaram quase três anos desde que fomos presenteados com o excelente Project Cars 2. Tratou-se de um excelente simulador de condução, que encantou entusiastas do género, mas que por isso mesmo também afastou alguns jogadores mais casuais. Para este terceiro jogo, a Slightly Mad Studios tentou aligeirar a experiência de jogo e a sua exigência, mas terá isso prejudicado demasiado a simulação? Vamos ver.

Bem, primeiro que tudo, deixe-nos deixar claro de que ainda se trata de um simulador de condução, mesmo com todas as mudanças, mas confessamos que os primeiros sinais nos assustaram um pouco.

Como qualquer jogo do género que se preze, também Project Cars 3 inclui um modo carreira, com várias classes de condução por onde pode progredir. O que muda neste caso é que o jogador pode gastar algum dinheiro do jogo, que ganha nas corridas, para subir rapidamente pelas classes. Não precisa de o fazer, mas se quiser poupar tempo, pode fazê-lo, e isso é algo que pode não agradar aos puristas. Mas lá está, é uma escolha.

Começamos com carros como o 1999 Mitsubishi Lancer Evo VI e o 2016 Honda Civic Type R, automóveis que não são exatamente os melhores para ter a real sensação de condução do jogo. Mas, conforme avançamos pela carreira, começamos a desbloquear outro tipo de carros, como o 2015 Ferrari LaFerrari, e aí sim, sentimos todo o potencial da jogabilidade de Project Cars 3 - mesmo com um simples comando.

Esse foi um dos esforços da Slightly Mad Studios para tornar Project Cars 3 mais acessível. Embora um bom volante ainda seja a melhor forma de apreciar o jogo, o estúdio dedicou maior atenção à jogabilidade com um comando, e isso nota-se bem. O comando transmite de forma impecável a sensação da condução, em termos de peso, choque, e tipos de terrenos. É um melhoramento considerável em relação a Project Cars 2.

Qualquer aficionado do género sabe o quão é importante o som num jogo de condução, e Project Cars 3 apresenta grande qualidade nesse ponto. A jogar com bons fones, apreciámos o roar dos motores, o chiar dos pneus, e o impacto da chuva no carro. Só não gostámos muito do embate entre veículos, que pareceu algo artificial. Mas fãs de condução também têm vindo a ter amostras de grafismo de alta qualidade. No caso de Project Cars 3, talvez não seja o melhor que já vimos, considerando o quão elevada é a concorrência, mas tem grande qualidade ainda assim. Os cenários, os modelos dos carros, e as condições climatéricas, estão todos impecáveis, mas é preciso deixar uma nota: jogámos na versão PC, com grafismo em qualidade ultra, e a correr nuns deliciosos 60 frames por segundo, ou seja, mas melhores condições possíveis.

Em termos de conteúdo, Project Cars 3 apresenta um aumento ligeiro no número de carros, e uma diminuição ligeira no número de pistas, comparando com o jogo anterior. O que mais nos incomodou foi a ausência de Rallycross enquanto modo de jogo, e é triste ver que a Slightly Mad Studios está a desistir dessa vertente de condução. Não é uma compensação, mas pelo menos foi introduzido todo um sistema de personalização dos veículos, tanto em termos de desempenho, como de estilo visual. Pode comprar carros e melhorá-los de várias formas, até elevando a sua categoria, e em conjunto com toda as opções cosméticas, isto torna-se numa componente determinante para tornar o jogo mais pessoal.

Somos fãs do modo carreira de Project Cars 3, mas o modo online também foi melhorado, através de uma tabela de classificações mais precisa e um sistema de emparelhamento mais justo, que aproxima jogadores de níveis mais semelhantes. Pode participar nas corridas típicas, a contar para a classificação, ou tentar a sua sorte em eventos especiais que a Slightly Mad Studios vai introduzindo no jogo. A nossa experiência como o modo online de Project Cars 3 foi perfeita, mas isto foi através de sessões de jogo controladas. Esperemos que o lançamento ao público não piore a situação. Quem preferir jogar sozinho, mas mesmo assim quiser competir com outros, pode tentar bater os tempos do resto da comunidade, através de vários tipos de corridas.

Project Cars 3

Como já referimos, Project Cars 3 tenta apelar ainda mais a novos jogadores, e parte desse processo é feito pelo modo First Time User Experience, um modo desenhado para permitir que os jogadores determinem que tipo de experiência vão ter com o jogo. Isto inclui a definição de assistências à condução, várias opções para a inteligência artificial, e outros parâmetros semelhantes. Dito isto, a experiência de jogo de Project Cars 3 continua a pender para o lado da simulação, e será sempre necessário um certo empenho do jogador, mesmo com todas as ajudas.

Dito isto, existem elementos que gostaríamos de ver mais próximos da simulação, como o facto de praticamente não existirem penalidades por chocar com um adversário. Pelo menos existe uma penalização para quem corta nas curvas, mas mesmo isso está longe de ser uma penalização condizente como o 'crime'. Também não podemos deixar de referir os muitos problemas técnicos que encontrámos no jogo, e para todos os feitios. Desde legendas que ficaram congeladas no ecrã durante corridas, a comentários acerca da nossa primeira vitória quando já íamos na sétima, passando por personalizações do carro que desapareciam entre corridas. Nada de muito grave, mas sério o suficiente para ter incomodado a experiência de jogo.

No fim das contas Project Cars 3 é um excelente simulador de condução com mais algumas acessibilidades que os anteriores, ainda que continue a apresentar várias falhas. Os problemas das penalizações é algo que realmente interfere com as corridas, tanto a solo, como online, mas a verdadeira urgência passa por corrigir as várias falhas técnicas do jogo. Ainda assim, uma proposta muito forte para amantes do género.

Project Cars 3Project Cars 3
Project Cars 3Project Cars 3Project Cars 3
08 Gamereactor Portugal
8 / 10
+
Modo carreira tem muita profundidade. Excelente sensação de condução. É finalmente possível personalizar veículos.
-
As colisões precisam de penalizações maiores. Ausência de Rallycross. Vários problemas técnicos.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados

Project Cars 3Score

Project Cars 3

ANÁLISE. Escrito por Daniel Andersen

Alguns fãs não vão apreciar as mudanças, outros vão adorar, mas o que importa é que se trata de um jogo de corridas de grande qualidade.



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.