Português
Gamereactor
especiais
Life is Strange

Life is Strange - Episódio 3 Análise

O jogo da Dontnod continua a surpreender-nos, sem revelar todos os seus segredos.

Como parte de uma nova política de análises que estamos ainda a implementar, os capítulos individuais de jogos com formato episódico vão passar a ser 'analisados' sem uma nota no fim. Acreditamos que a nota só deve ser atribuída ao conjunto total e não a uma parte singular.

Podem ler a análise ao primeiro episódio aqui.

Quando começamos a escrever este artigo, já se passaram algumas horas desde o final do terceiro capítulo de Life is Strange, mas ainda estamos a tentar compreender o que aconteceu. Este episódio intermédio consegue realmente virar tudo do avesso com os eventos finais que relata, mas já lá vamos. Primeiro falemos do que os jogadores vão encontrar no início do episódio.

Este terceiro capítulo está completamente focado em Max e Chloe, e nos momentos iniciais passa a impressão de que será feito muito trabalho de investigação. Os eventos do episódio anterior pesam claramente na consciência de Max, e à medida que a aventura se desenrola, cresce a nossa vontade de voltar ao segundo episódio para mudarmos as nossa escolhas. Mas resistimos à tentação.

Em termos de jogabilidade, este terceiro capítulo não acrescenta nada realmente novo, com exceção de algumas variações da habilidade de Max para manipular o tempo e apagar vestígios das suas ações. Isto resulta num episódio com um ritmo ligeiramente mais elevado que nos capítulos anteriores, e obriga a uma atenção redobrada por parte do jogador se quiser encontrar conteúdo secundário. Ao contrário do que se passou nos dois episódios anteriores, onde questionámos frequentemente as nossas decisões, desta vez seguimos os eventos de forma muito direta. Pensámos mais nas escolhas que tomámos nos capítulos anteriores do que naquelas que tivemos de tomar neste.

Como tem sido habitual, este terceiro episódio de Life is Strange mantém grande qualidade no departamento da sonoplastia, tanto na banda sonora, como nas vozes dos atores, acompanhados por um argumento de topo. Existem algumas referências estranhas ou irritantes, mas a este ponto já nos habituámos como sendo parte do charme de Life is Strange.

Considerando a quantidade de escolhas que já tiveram de tomar, é possível que os nossos eventos se desenrolem de forma diferente dos vossos. Seja como for, terão a oportunidade de ver como essas escolhas afetaram outras personagens, incluindo Nathan Prescott e David Marsden. Quanto a Victoria, continua a ser bastante irritante, enquanto que Frank torna-se mais sinistro a cada segundo que passa. Mas ninguém em Arcadia Bay é simplesmente bom ou mau - o jogo tem muitas camadas de cinzento no que respeita à moralidade.

Este episódio é algo de um paradoxo, já que permite aproximar a relação de Chole e Max, com alguns momentos divertidos. Dito isto, também terão muitas oportunidades para irritarem outras personagens, espiar e até lidar com uma bomba. E nada vos pode preparar para o final deste terceiro capítulo, que vira tudo do avesso. Neste momento, parece-nos que no quarto episódio será necessário fazer uma escolha muito difícil, mas é impossível perceber quais podem ser as consequências se realmente tomarmos uma decisão.

Mesmo com estes eventos, Life is Strange continua sem tocar seriamente no que é o núcleo da história, ou seja, o mistério que envolve Rachel Amber. Pelo menos parece que a investigação está bem encaminhada e o quarto capítulo deve começar a oferecer algumas respostas importantes. Esperemos apenas que não seja necessário esperar muito tempo.

Life is StrangeLife is Strange
Life is StrangeLife is Strange
Life is StrangeLife is Strange

Textos relacionados

Life is StrangeScore

Life is Strange

ANÁLISE. Escrito por Bengt Lemne

Agora que acabámos Life is Strange, aqui ficam as nossas impressões sem Spoilers.

Life is Strange gratuito com o Xbox Game Pass

Life is Strange gratuito com o Xbox Game Pass

NOTÍCIA. Escrito por Sam Bishop

A Microsoft tinha anunciado o lançamento de um jogo "surpresa" para hoje, no Game Pass, e esse jogo é Life is Strange. A excelente aventura narrativa criada pela Dontnod...



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.