Português
Gamereactor
antevisões
Final Fantasy XV

Final Fantasy XV - Impressões e Anúncios

Marcámos presença no grande evento de Los Angeles.

O que a Square Enix preparou para Final Fantasy XV com o evento Uncovered, foi impressionante. Viajámos até Los Angeles para assistir, no local, a uma hora de grandes anúncios relacionados com Final Fantasy XV. Muitas surpresas genuínas que a editora tinha preparadas, e que mostram uma confiança inabalável no jogo e no universo que estão a construir.

Tudo começou com a subida de Hironobu Sakaguchi, o "pai" de Final Fantasy, até ao palco preparado, seguido de uma apresentação da nova demo de Final Fantasy XV, denominada como Platinum. Enquanto a demo anterior, Episode Duscae, mostrou uma porção do jogo, Platinum foi desenhada para ambientar jogadores pouco habituados a Final Fantasy, embora muitos elementos deste jogo sejam completamente diferentes do que vimos no passado. É, acima de tudo uma forma dos jogadores se habituarem às mecânicas de jogo que vão ter presentes em Final Fantasy XV.

O conteúdo desta demo foi construída de propósito para esta situação, e não estará presente no jogo. Trata-se de uma viagem até um dos sonhos de Noctics, enquanto criança, e parece ter sido claramente inspirado por Alice no País das Maravilhas. No papel do jovem Noctis, terão de seguir uma estranha criatura, equipados com uma espada e um martelo de brincar. Durante a demo vão participar em combates, mas o grande objetivo é apreciar os vários sistemas do jogo, incluindo a mudança da hora do dia em tempo real e até o clima.

Vão encontrar vários botões espalhados pelo mundo de jogo, que permitem alterar parâmetros em tempo real. A manhã passa para o fim de tarde, e o céu azul para nuvens carregadas. Tudo isto decorre em modo acelerado, mas em tempo real, e acaba por ser interessante ver estes sistemas a funcionarem desta forma. Ver a mudança da posição do sol e observar o impacto que isso tem nas sombras que rodeiam o jogador, por exemplo.

A demonstração em si é um pouco curta, mas a quantidade de mecânicas que podem experimentar é interessante. Podem experimentar combinações de golpes, arremessar bombas, procurar segredos, participar em batalhas contra bosses, e até conduzir. A demo também permite verificar a qualidade gráfica do jogo, e presenciar amostras de alguns encontros que terão durante a aventura, com algumas criaturas verdadeiramente imponentes.

Para sermos completamente honestos, não ficámos muito impressionados com a direção que o jogo estava a seguir quando jogámos à demo anterior, o episódio Duscae. Parecia um produto muito distante dos Final Fantasy a que nos habituámos a amar nos anos anteriores. O facto de Hironobu Sakaguchi ter marcado presença no evento, tranquilizou-nos um pouco. O próprio criador da saga revelou que, para ele, Final Fantasy era semelhante a ver uma criança crescer, e que como todos os pais, por vezes questionava o que estaria o seu rebento a fazer. Interpretámos isto como um sinal de que a Square Enix soube ouvir as críticas dos jogadores a Duscae e aos jogos mais recentes.

O grosso da conferência foi dedicada à demo e vários vídeos novos do jogo, mas existiram novidades genuínas, que mostram o esforço da Square para expandir o universo da Square Enix além do jogo. O primeiro grande anúncio surgiu na forma de Brotherhood, que é uma mini-série de animação japonesa. A série está dividida em cinco episódios, e pretende apresentar a relação entre as personagens principais. O primeiro episódio já está disponível e podem vê-lo em baixo.

Mais surpreendente ainda foi o anúncio de Kingsglaive, um filme totalmente animado em computador, que conta com a participação de vários atores de renome. Lena Headey e Sean Bean, ambos conhecidos de Game of Thrones, vão interpretar os papéis de Princesa Luna e Rei Regis. Quanto ao protagonista, Nyx, será interpretado por Aaron Paul, que ganhou fama com a sua participação em Breaking Bad. O filme será lançado apenas em formato digital e para serviços de streaming.

E ainda há um mini-jogo, Justice Monsters Five, que será lançado para plataformas móveis, e que deve chegar antes do lançamento de Final Fantasy XV. Pelo que vimos parece uma divertida mistura entre um jogo clássico da série em 2D e um jogo de Pinball. Aparentemente até permitirá desbloquear algumas surpresas no jogo principal.

Quanto ao tema principal de Final Fantasy XV, será uma versão nova do clássico Stand by Me, aqui interpretado por Florence and the Machine. A Square Enix ainda anunciou duas versões especiais do jogo - Deluxe e Collector's. A primeira irá custar € 89.99 e inclui uma caixa metálica com o jogo e a versão Blu-Ray exclusiva do filme Kingsglaive, além de alguns itens exclusivos para o próprio jogo. A edição de colecionador irá custar € 269.99, e inclui uma estatueta do protagonista, um livro de arte de 192 páginas, um Blu-Ray com a série de animação (incluindo um sexto episódio exclusivo), e as bandas sonoras do filme e da série, além de todo o conteúdo da edição Deluxe.

Esta apresentação da Square Enix foi uma verdadeira demonstração de força e confiança em Final Fantasy XV, e tinha como principal objetivo deixar os jogadores entusiasmados. Da parte que nos toca, conseguiram. Ainda não estamos totalmente convencidos com a mistura de mundo contemporâneo com fantasia e ficção científica, mas saímos de Los Angeles bem mais entusiasmados com o jogo do que chegámos. O último anúncio foi mesmo a tão aguardada data de lançamento, que ficou marcada para o dia 30 de setembro, para PS4 e Xbox One.

Final Fantasy XVFinal Fantasy XVFinal Fantasy XV
Final Fantasy XVFinal Fantasy XVFinal Fantasy XV

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.